Theses and dissertations

Master
Psychology of Intercultural Relations
Title

Home by choice? A qualitative analysis of the experiences and decisions of being a stay-at-home mother in Nigeria

Author
Akinsanya, Lola Mobolaji
Summary
pt
Este estudo descritivo qualitativo esclarece como a maternidade integrada molda a decisão das mulheres nigerianas de se tornarem mães que ficam em casa e como as expectativas e crenças culturais impactam as ideologias e experiências maternas. Amostragem proposital foi usada para selecionar 10 participantes com base em sua escolaridade, maternidade e status de mãe que fica em casa. O estudo teve como objectivo aprofundar a compreensão das experiências das mães africanas e nigerianas que ficam em casa, uma vez que estudos anteriores apresentaram em grande parte as perspectivas das mulheres ocidentais de classe média, proporcionando uma visão limitada da maternidade. Através de entrevistas semiestruturais aprofundadas, o estudo fornece um relato em primeira mão de mães instruídas que ficam em casa e as suas perspectivas sobre a razão pela qual escolheram permanecer em casa. Embora haja muita investigação sobre mães trabalhadoras e mulheres que equilibram os seus papéis como mães a tempo inteiro e trabalhadoras no mercado de trabalho, há investigação inadequada sobre mães instruídas que ficam em casa. Portanto, este estudo preencherá esta lacuna de investigação, explorando como as mulheres nigerianas vivenciam o facto de serem mães que ficam em casa, os factores que influenciaram a decisão e os efeitos culturais nas suas experiências diárias. Para avaliar a extensão do impacto cultural nas experiências cotidianas das mães que ficam em casa, utilizamos uma variedade de fontes, incluindo estudos de pesquisa acadêmica e metodologia quantitativa. Os dados foram transcritos com o Google e analisados por meio de análise temática por meio do MAXQDA. Os resultados sugerem que as participantes não planeavam inicialmente ser mães que ficavam em casa; entretanto, fatores sociais, econômicos e individuais influenciaram sua escolha. Esses fatores de influência incluem experiências de infância, dinâmica interpessoal e crenças intrapessoais.
en
This qualitative descriptive study sheds light on how integrated mothering shapes Nigerian’s women's decision to become stay-at-home mothers, and how cultural expectations and beliefs impact mothering ideologies and experiences. Purposeful sampling was used to select 10 participants based on their education, motherhood, and status as a stay-at-home mother. The study aimed to further the understanding of the experiences of African and Nigerian stay-at-home mothers as prior studies have largely featured the perspectives of Western, middle-class women, providing a limited view of motherhood. Through semi-structural in-depth interviews, the study provides a first-hand account of educated stay-at-home mothers and their perspectives on why they chose to remain at home. While there is plentiful research on working mothers and women balancing their roles as full-time mothers and labour force workers, there is inadequate research on educated stay-at-home mothers. Therefore, this study will fill this research gap by exploring how Nigerian women experience being stay-at-home mothers, the factors that influenced the decision and the cultural effects on their daily lived experiences. To assess the extent of cultural impact on the daily lived experiences of stay-at-home mothers, we utilized a variety of sources including academic research studies, and quantitative methodology. The data was transcribed with Google and analysed through thematic analysis using MAXQDA. The findings suggest that the participants did not initially plan to be stay-at-home mothers; however, social, economic, and individual factors influenced their choice. These influencing factors include childhood experiences, interpersonal dynamics, and intrapersonal beliefs.

Date

30-Jan-2024

Keywords

Gender norms
Normas de género
Discriminação -- Discrimination
Stay-at-home mothers (SAHM)
Cultural expectations
Motivators
Patriarcado -- Patriarchy
Mães que ficam em casa (SAHM)
Expectativas culturais
Motivadores

Access

Free access

See on repository  
Back to top